Não se esqueça de olhar as estrelas

Se você não tirar os olhos do celular, pode até não perceber, mas o tempo passa; e o mundo está girando e se transformando constantemente ao seu redor. Você pode até não querer, mas ele muda e não espera por ninguém. Esta obra desenha no céu o movimento do nosso planeta em pouco mais de 2 horas. Se não prestarmos atenção para onde vai o nosso tempo – a única coisa a qual não podemos comprar de volta neste mundo – ele se perderá em vão.
Se agora é noite, por favor, saia do Facebook por um momento. Vá ver as estrelas. E se puder, convide alguém para te acompanhar.

Esta obra é uma homenagem aos 61 anos de Sapiranga, a cidade onde cresci e de onde continuo a investir o meu tempo, tentando jamais ficar parado.


Disponível em: